Ferreira Costa


 

A Ferreira Costa é uma empresa genuinamente pernambucana do setor de materiais de construção e decoração que foi fundada em 1884, na cidade de Garanhuns, Agreste do Estado. Outra área de atuação da Ferreira Costa é a responsabilidade social, onde a empresa patrocina vários trabalhos de cunho socioambiental. Desde 2012, a Proa Cultural vem desenvolvendo projetos culturais em parceria com a Ferreira Costa.

Confira algumas ações:

Circuito Sinfônico da Orquestra Sinfônica Jovem do Conservatório Pernambucano de Música

O início da parceria foi marcado pela realização da sétima edição do Circuito Sinfônico da Orquestra Sinfônica Jovem do Conservatório Pernambucano de Música. Além de aulas-concerto e apresentações no Recife, o circuito percorreu o interior do Estado, passando por inúmeras cidades, como Bom Jardim, Limoeiro, Altinho, Pesqueira, Arcoverde, Caruaru, Exu e também Garanhuns.

Mostra Garanhuns – Cinema e Futebol

Através da parceria com a Proa Cultural, a Ferreira Costa também deu o apoio na realização da Mostra Garanhuns – Cinema e Futebol. Realizada pela produtora Latitude 8, a mostra aconteceu de 16 a 18 de maio na cidade do Agreste pernambucano, trazendo uma programação gratuita e com a temática de futebol. Foram exibidos curtas e longa-metragens no Parque Euclides Dourado, além de apresentações culturais e da exposição fotográfica Entrevárzeas, do fotógrafo Beto Figueiroa. A Mostra Garanhuns contou ainda com oficinas de criação para o cinema (roteirização, execução e finalização de filmes), realizadas entre 29 de abril e 15 de maio.

I Festival Internacional de Literatura Infantil de Garanhuns (Filig 2014)

O Festival Internacional de Literatura Infantil de Garanhuns – Filig é um projeto cultural na área literária que tem a intenção de contribuir para tornar Garanhuns, cidade do Agreste pernambucano, em uma cidade de leitores. A Ferreira Costa sempre buscou participar de ações de incentivo à cultura, principalmente no campo literário, por ter a crença de que a literatura é um caminho de transformação social. Realizado pela Proa Cultural, o Filig conta com o patrocínio da Ferreira Costa através da Lei Rouanet, do Ministério da Cultura (MinC).

Para alcançar o objetivo de contribuir para a formação de leitores, foram desenvolvidas pelo Filig, durante o ano de 2014, ações de sensibilização e formação de profissionais que já atuam na área literária em Garanhuns. Entre agosto e dezembro, são realizadas oficinas de Mediadores de Leitura e Gestores de Biblioteca. Entre 9 e 12 de outubro de 2014, a culminância do projeto se deu com a realização de um festival que contou com uma extensa programação, com oficinas com criadores internacionais e locais, palestras com autores nacionais e internacionais, bate-papo com autores, performances de ilustradores, rodas de leitura, apresentações culturais no Parque Ruber Van der Linden (Pau-Pombo), em Garanhuns.

O Filig também compreende a doação de 60 kits com cerca de 45 livros infantis para as 52 escolas municipais de Garanhuns e seis bibliotecas da cidade no mês de dezembro. Toda essa série de ações artístico-educativas conta também com grandes parceiros que também acreditam na literatura como transformadora da sociedade, como a Prefeitura de Garanhuns através da Secretaria de Educação municipal, o Serviço Social do Comércio (Sesc), a Associação de Escritores e Ilustradores de Literatura Infantil de Garanhuns (AEILIJ), a TV Pernambuco (TVPE) e o Banco Itaú. A intenção é que o Filig se torne um projeto permanente, anual, com várias ações sendo desenvolvidas ao longo do ano, com o objetivo maior de transformar os pequenos leitores de hoje em grandes cidadãos do amanhã.